fbpx

Aqueles que viajam pela Costa Alentejana de autocaravana

A Costa Alentejana é abundante em praias selvagens, abundante em natureza no estado mais puro, abundante em pores-do-sol fotogênicos… um lugar onde o tempo corre devagar, independente do período do ano. Com praias para todos os gostos: dos areais desertos, secretos e amigos dos praticantes de naturismo, às praias vigiadas, com bandeira azul e restaurantes, ponha um pin em Évora – a capital do Alentejo – e depois… siga a descorta da Costa Alentejana de autocaravana!


Leia também:

9 dicas para viajar de autocaravana em Portugal
Como chegar na praia Ribeira do Cavalo

 

Quando viajar?

Na minha opinião, viajar de autocaravana pela Costa Alentejana antes ou depois da alta temporada é, sem sombra de dúvidas uma das melhores épocas: o valor do aluguel da autocaravana estará mais acessível e depois, haverá menos disputa pelos spots para pernoitar (tanto os gratuitos como os campings). O lado menos positivo, na escolha desta época, pode ser a temperatura da água das praias. Mas… muito bem sabemos que as praias portuguesas não são famosas pela sua temperatura e sim pela sua beleza. 🤭

 

Quanto tempo ficar?

Da Comporta à Zambujeira do Mar o que não faltam são motivos para ir e ficar, nem que seja só por uns dias. 😎 Apesar das praias estarem coladinhas, uma do lado de outra, e de a distância entre as vilas e cidades serem curtas, há de ter tempo de qualidade para estender a toalha na areia, mergulhar e aproveitar a autocaravana. Se a ideia é viajar pela Costa Alentejana com a casa às costas, tenha pelo menos um dia para cada vila/cidade.

 

 Onde aluhar uma autocaravana?

Viajar de autocaravana é como transportar a casa às costas com uma diferença: a “casa” tem rodas e nos da total liberdade e comodidade que, dificilmente se encontra em outra forma de viajar.

Há vários tipos de autocaravana (campervan, capucino, perfilas, integrais, etc). A diferença entre elas, está na capacidade de espaço e alojamento, consumo de combustível, o tamanho do veículo e o preço do aluguel. Na Yescapa consegue alugar autocaravana, furgão transformado ou campervan em várias cidades da Europa. É uma solução “chave na mão”, pois todos os alugueis estão abrangidos por um seguro e um contrato. Escolha uma autocaravana na Yescapa e bora lá viajar pela Costa Alentejana! 🚙

📌 Nota importante: O preço do aluguel de uma autocaravana depende do modelo que deseja alugar, tipo e ano do veículo, seus equipamentos, da quantidade de dias e do período da viagem. Na Yescapa é possível encontrar autocaravana com o aluguel a partir de 50€ por dia – já com o seguro incluso.

 

Quer saber mais detalhes sobre esta viagem? Segue o @aquelesqueviajam no Instagram 💚👇

 

Roteiro de 4 dias Costa Alentejana de autocaravana

Dia 1: Évora

Viajar pela Costa Alentejana de autocaravana: Évora

Évora é uma das cidades mais monumentais de Portugal. Conhecida como o coração do Alentejo, capital do megalitismo ibérico e museu ao ar livre, concorre fortemente em antiguidade com Braga. É lá que está a maior catedral medieval e a segunda universidade mais antiga do País — a Universidade de Évora —, e os Cromeleque dos Almendres.

Pelo centro histórico – o segundo em Portugal a ser listado pela UNESCO como Património Mundial da Humanidade em 1986 – poderá encontrar várias pecinhas de puzzle para completar o jogo:

  • Muralha Medieval
  • Igreja de São Francisco
  • Capela dos Ossos
  • Igreja da Graça
  • Fonte da Porta de Moura
  • Igreja do Carmo
  • Catedral da Sé
  • Templo Romano
  • Jardim de Évora
  • Universidade de Évora
  • Palácio Cadaval
  • Aqueduto Água da Prata
  • Praça do Giraldo

Portugal é um país de forte tradição vitivinícola e, a contabilizar pelos inúmeros prêmios e distinções em concursos internacionais, a excelente qualidade dos seus vinhos não passa despercebida. Visitar uma quinta ou adega produtora de vinho, nas regiões vinícolas – especialmente no Alentejo – é daquelas experiências que tem de ter e pronto! 🤗

Nos arredores de Évora, está a Adega Cartuxa. Uma adega com instalações seculares, belos vinhedos, degustações… Mas não é só! Esta adega tem o objetivo de tornar o universo dos vinhos mais didático.

Há um corredor, onde molhamos um pedacinho de papel num líquido (como nas lojas de perfumes) e feito. Está ali toda a personalidade de cada uva. Os aromas que sentimos são provenientes das uvas aragonês e trincadeira, que, juntas, dão origem a um dos vinhos mais desejados de Portugal: o mítico Pêra Manca 🥰

A experiência no “corredor de aromas” das principais uvas usadas na fabricação dos vinhos alentejanos é a etapa que antecede a prova de vinhos e… se quiser, dos azeites também.

Distância percorrida: Porto > Évora 400 km

Onde pernoitar: Área de serviço para autocaravanas Évora

Condições:

  • Gratuito
  • Amplo
  • Área de serviço
  • Boa localização

 

Dia 2: Vila Nova de Milfontes

Viajar pela Costa Alentejana de autocaravana: Vila Nova de Milfontes

Não se fala do melhor da Costa Alentejana sem mencionar Vila Nova de Milfontes, seja pela praia ou pelo rio. Conhecida como a Princesa do Alentejo, por conta das suas belezas naturais ou terra das três mentiras, pois não era vila, não é nova e muito menos tem mil fontes… mas… no meio de tantas mentiras há uma verdade: aqui há praias de rio e de mar e, mesmo que o sol teime em não aparecer, não faltam coisas para fazer, quer seja na água ou na terra.

Vila Nova de Milfontes não está repleta de monumentos (tem o Forte de São Clemente, umas igrejinhas, pracinhas, e mais alguma coisinha… talvez! 🤔), mas está repleta de natureza.

Se o objetivo é montar um puzzel das praias mais cristalinas, aqui vai uma listinha:

  • Praia do Farol
  • Praia Franquia
  • Praia Forte de São Clemente
  • Praia das Furnas
  • Praia do Carreiro da Fazenda
  • Praia do Malhão
  • Praia do Patacho

Vila Nova de Milfontes só tem um porém… de 2020 para cá, se tornou um spot menos acolhedor para autocaravanas.

Distância percorrida: Évora > Vila Nova de Milfontes 200 km

Onde pernoitar: Praia das furnas (apenas em baixa temporada)

Condições:

  • Gratuito
  • Sem área de serviço
  • Boa localização

📌 Nota importante: Em Vila Nova de Milfontes, no parque de campismo, pode utilizar a área de serviço do camping gratuitamente

 

Dia 3: Porto Covo

Localizada no Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina, a pacata vila de Porto Côvo, conseguiu ao longo dos anos, preservar toda a arquitetura tradicional que lhe atribui tamanha autenticidade. É cheia de casas branquinhas, com portas e janelas coloridas, todas emendadas umas às outras – um charme! 🥰

Recuperada por Marquês de Pombal, depois do terremoto de 1755, a vila se resume às praias escarpadas e escondidas que se encontram ao longo da costa e as trilhas. Há uma trilha de 20 km entre Porto Covo e Vila Nova de Milfontes, em um percurso junto ao mar, ao longo dos extensos areais e paisagens de tirar o fôlego.

Aqui vai, outra listinha ou melhor: listona de praias:

  • Praia do Espingardeiro, do Banho, da Gaivota e Pequena: São 4 pequenas praias, uma ao lado da outra, localizadas entre fendas das falésias em frente à vila. Entre elas as que tem acessos por escadas são a Praia do Espingardeiro e do Banho. Para descer nas outras é preciso se aventurar pelas pedras
  • Praia Grande de Porto Covo
  • Praia da Cerca Nova
  • Praia do Serro da Águia
  • Praia de Porto Covinho
  • Praia da Samoqueira
  • Praia da Ilha do Pessegueiro: a ilha que dá nome a praia foi ocupada pelos romanos, durante o século III a.C. Há quem diga que também foi refúgio de piratas! Na alta temporada (Julho e Agosto) é possível visitar a ilha
  • Praia do Sissial
  • Praia da Engardaceira
  • Praia da Baía de Porto Covo
  • Praia dos Buizinhos

Distância percorrida: Vila Nova de Milfontes > Porto Covo 18 km

Onde pernoitar: Forte do Pessegueiro

Condições:

  • Gratuito
  • Sem área de serviço
  • Boa localização

📌 Nota importante: Em Porto Covo, no parque de campismo, pode utilizar a área de serviço do camping gratuitamente

 

Dia 4: Sesimbra

Viajar pela Costa Alentejana de autocaravana: Sesimbra

Poderia complicar, mas não há volta a dar: Sesimbra também é conhecida pelas suas praias – especialmente pela praia Ribeira do Cavalo um dos segredos mais bem guardados deste país e praia do Meco, uma das mais famosas praias de nudismo.

Paralelo as praias, há muito mais para descobrir: gastronomia, monumentos e até arte urbana, que se espalhou por toda a vila, nos últimos anos.

Pelo caminho, antes de chegar em Sesimbra há a Serra da Arrábida, em Setúbal. Por aqui, muito cuidado! Não pelas curvas, mas pelas várias praias que são grandes tentações a um desvio: praia Portinho da Arrábida, praia de Galapinhos, praia de Galapos e várias outras.

Em Sesimbra, a ida até a praia Ribeira do Cavalo só é possível através de uma trilha (cerca de 30 minutos ou mais. Depende da quantidade de vezes que para, para fotografar). É uma praia pura, exótica e selvagem e assim deve permanecer! Leve tudo o que precisa (água, refeições, etc) e lembre-se de trazer todo o lixo de volta.

O esforço da trilha é compensado, mal visualiza os primeiros tons de verde esmeralda / azul turquesa pela encosta, durante o percurso. Ao chegar la, apenas areal, mar tranquilo e límpido e rochas com formatos curiosos, uma delas parece a cabeça de um cavalo, daí a origem do nome da praia.

Se ainda houver tempo para mais, ali perto está o Castelo de Sesimbra para um por do sol que finaliza uma viagem como tem de ser: memorável!

Distância percorrida: Porto Covo > Sesimbra 174 km

 

 

A experiência de viajar de autocaravana foi realizada em parceria com a Yescapa. Todas as opiniões são verdadeiras, pessoais e baseadas em experiências reais.

Leave a comment